A Floresta

 

 

Religião

A Floresta (continuação)

   

A

 grande maioria opta, prudentemente, por permanecer na clareira, somente considerando a possibilidade de deixá-la quando desesperadamente necessitados de algo que lá não podem encontrar e que pensam haver do outro lado. Nessas situações, é comum decidirem sob pressão, pois não falta quem garanta que o único caminho que pode conduzir ao objetivo almejado é o que consta no mapa de sua predileção. Os mais ignorantes sempre optam pelos mapas que são defendidos por um maior numero de pessoas. Mas, a verdade é que ninguém pode de fato garantir o sucesso da empresa a não ser por palavras. Muitos também afirmam que a floresta não tem fim, não havendo nenhuma trilha. Atribuem ao simples desejo de uma vida melhor a invenção da idéia da trilha, que consideram uma fábula e nada mais do que “wishful thinking”.

 Na verdade, as lendas acerca do que existiria além das montanhas tiveram origem em velho livro encontrado por uma criança, que narrava o surgimento de estranho eremita, de pele mais escura que a dos locais, o qual teria logrado atravessar as montanhas e a selva há muitos séculos, no sentido inverso, chegando à clareira. Acredita-se que era proveniente das citadas plagas onde tudo é melhor e que havia sido enviado para orientá-los sobre o caminho a seguir. Ele teria desenhado o mapa que contém o segredo da trilha...

 

  Voltar     Prosseguir

© todos os artigos deste site podem ser reproduzidos desde que sejam citados o autor e a fonte.