Sétimo Erro

Aceitar a disparidade entre a Religião e a Lógica

 

 

“Se você obtém resultado que invalida o experimento, é preciso coragem para proclamar que a regra está errada”.

 (Feynman)

 “É mais importante a beleza das equações do que sua utilidade para o experimento”.

(Dirac)

  

D

e todos os erros citados este é o de maior gravidade. A falta de lógica reside em quase todas as religiões. Esse mal não é de pronto reconhecido, todavia suas conseqüências estendem-se a todas as partes do planeta. A falta de lógica tende a afastar das religiões ou reduzir a fé das pessoas mais esclarecidas, justamente aquelas que, em geral, são tomadas como exemplo pelas mais simples. Isso reduz a influência das Religiões em setores expressivos da sociedade. É ponto pacífico que os seres humanos não possuem a capacidade para compreender todos os desígnios de Deus, porém, com o passar dos séculos, cada vez mais os véus que encobrem algumas passagens das diversas Escrituras religiosas vão sendo levantados, seja pela Ciência seja pela mediunidade.

A falta de lógica, não raro, encontra simpatia na alta hierarquia religiosa, já que amplia a sua importância. Na ausência do pensamento lógico, aumenta a dependência dos fieis aos sacerdotes qualificados que, pelo menos em tese, são capazes de esclarecerem os principais questionamentos. Assim, por não serem capazes de entenderem por si mesmos toda a liturgia, os fieis alienam suas dúvidas aos clérigos que passam a orientá-los sobre aquilo que parece não ter sentido lógico. 

Essa intermediação apresenta três malefícios graves:

A falta de lógica também contribui para a proliferação de credos, já que coisas ilógicas são passíveis de interpretações múltiplas que suscitam divergências entre os clérigos, findando por fazê-los criar novas denominações religiosas. Porém, a mais grave de suas conseqüências é dificultar e retardar o progresso espiritual dos humanos, o que somente faz aumentarem os males que presenciamos em nosso planeta.

Se houvesse lógica nas religiões, a crença das elites em Deus tenderia a aumentar. A priorização da busca do progresso espiritual por parte de importantes setores da sociedade, com toda a certeza, torná-los-ia mais capazes de conduzir a polis por melhores caminhos.

ibatan

Os sete erros Primeiro erro Segundo erro Terceiro erro Quarto erro Quinto erro Sexto erro Sétimo erro Conclusão

© todos os artigos deste site podem ser reproduzidos desde que sejam citados o autor e a fonte.